Continua após a publicidade..

Com Governo Bolsonaro, Desigualdade Atinge Menor Índice em uma Década: Confira os Números

Desigualdade de Renda no Brasil atinge Menor Marca em 10 Anos, Aponta IBGE: Mercado de Trabalho e Programas Sociais Influenciam Diminuição

A Síntese de Indicadores Sociais (SIS), divulgada nesta quarta-feira (7/12) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), revelou que a desigualdade de renda atingiu o seu menor patamar em uma década.

De acordo com o Índice de Gini, que mede a distribuição de renda numa escala de 0 a 1, sendo 0 para uma distribuição igualitária e 1 para uma distribuição extremamente desigual, o índice registrado em 2022 foi de 0,518. Essa marca representa uma redução de 4,8% em relação ao ano anterior e é a menor desde o início da série histórica da pesquisa, em 2012. O pico da desigualdade ocorreu em 2018, quando o índice atingiu 0,545.

Continua após a publicidade..

O IBGE também estimou como seria o índice em cada ano caso não houvesse programas sociais governamentais, como o Bolsa Família e o Benefício de Prestação Continuada (BPC). Nessa análise, a desigualdade também teria diminuído em 2022 (0,548) em comparação com anos anteriores. No entanto, o ponto mais baixo teria sido em 2015 (0,540), enquanto o mais alto ocorreria em 2020 (0,573).

Segundo o relatório do instituto, os benefícios dos programas sociais contribuíram para a redução da desigualdade em 2022, mas não foram os únicos responsáveis por esse cenário. O mercado de trabalho também teve influência nesse resultado. A existência dos benefícios fez com que o índice do ano passado fosse 5,5% menor do que seria sem esses programas.

Continua após a publicidade..

A pandemia da Covid-19, a partir de 2020, trouxe um aumento nos pagamentos dos benefícios, com a implementação do Auxílio Emergencial. Isso resultou na queda do índice geral de desigualdade de 0,544 em 2019 para 0,524 em 2020, o menor nível até então (igual ao registrado em 2015). Em 2021, houve um novo aumento, retornando ao mesmo patamar de 2019. O IBGE atribui essa variação à redução dos auxílios combinada com o enfraquecimento do mercado de trabalho. No entanto, no final de 2021, foi criado o Auxílio Brasil, inicialmente no valor de R$ 217 e posteriormente reajustado para R$ 400 em abril de 2022 e R$ 600 em junho.

Caso não houvesse o Auxílio Emergencial em 2020, o índice teria aumentado consideravelmente. E sem o Auxílio Brasil em 2022, a redução na desigualdade teria sido um pouco mais lenta.

Continua após a publicidade..

Ao analisar as regiões brasileiras, o Nordeste apresenta o maior índice de Gini, com valor de 0,517. Em seguida estão as regiões Norte (0,509), Sudeste (0,505) e Centro-Oeste (0,593). A região Sul é a menos desigual do país, com um índice de 0,458.

Em relação a 2021, o Nordeste teve a maior redução na desigualdade (0,556), com uma queda de 7%, seguido pelo Sudeste (0,533 em 2021, queda de 5,3%). As demais regiões também tiveram diminuição na desigualdade, porém em menor intensidade.

Continua após a publicidade..

Conforme a estimativa do IBGE, os benefícios sociais fizeram o índice ser 11,6% menor no Nordeste (0,585 sem os programas) e 8,9% menor no Norte (0,559 sem os programas), onde está concentrada a maior proporção de beneficiários de auxílios do governo. Nas demais regiões, o impacto dos programas é menor: 3,7% no Centro-Oeste, 3,1% no Sudeste e 2,6% no Sul.

Canal no WhatsApp

Receba Notícias em primeira mão!

Participe do nosso Canal pelo WhatsApp

Veja também!

EmpregosÚltimas notíciasUncategorized

Processo seletivo para vagas de Vendedora em Shopping

Olá, gostaríamos de dar algumas informações: Somos apenas disseminadores de informações de...

Últimas notícias

GAIA CONSULTORIA CONTRATA AUXILIAR DE PRODUÇÃO

GAIA CONSULTORIA CONTRATA AUXILIAR DE PRODUÇÃO Continua após a publicidade.. Imprescindível: Total...

Últimas notícias

IEL Amazonas abre 23 vagas para estágio

IEL Amazonas abre 23 vagas para estágio O Instituto Euvaldo Lodi (IEL...

Últimas notícias

Grupo Queiroz inaugura nova loja voltada para o atendimento no atacado

  Manaus (AM) — O Grupo Queiroz inaugurou uma nova loja voltada...

Últimas notícias

Visteon Brasil recruta candidatos para Estagiário de Engenharia de Produção

Visteon Brasil Se você deseja se tornar Estagiário de Engenharia de Produção...

Últimas notícias

Sine Manaus oferta 307 vagas de emprego nesta quinta-feira, 29/2

Sine Manaus oferta 307 vagas de emprego nesta quinta-feira, 29/2 A Prefeitura...

Últimas notícias

A SC Johnson está selecionando profissionais para atuar na área da Manufatura. Confira as Oportunidades!

Fábrica SC Johnson OPERADOR TÉCNICO Manufatura Continua após a publicidade.. SOBRE A...